Finalmente Encontrei o Amor da Minha Vida

Eu estava
Parada
Poderosa e sábia
Enclausurada e livre
Solitária e  preenchida
E a minha vida
 Simplesmente cabendo numa mala.
meia sem fim e sem começo.


Aprendendo ser minha própria líder
Aprendendo ser vencedora na derrota
Aprendendo a vencer a mim mesmo.
Aprendendo a ser feliz no vazio...
No meio da aventura descobridora
Da viagem do centro do Universo
Para meu centro Universal
Você surgiu
E confesso: Me rendi

Admirando-o  por sua paz e tranquilidade
Ao me conhecer melhor, comecei a ler a alma humana. E a sua alma bonita, me impressionou.
 Você não tem noção do quanto sua alma é bela e diferente da maioria das outras almas da massa humana.
Eu senti ser merecedora de receber um presente das Deusas: Passar um tempinho com você.
De repente em plena viagem, com mala e sem encontrá-lo.


Eu me senti bobinha, idiota e triste.
Porém ser feliz é vencer os medos.
O medo é o demônio.
O amor é o anjo.
O medo é a falta de fé no amor da amizade.
Amor é sorrirmos, quando todos  são sérios.
Amor  é  sermos Únicos, quando todos são iguais.
Amor é  amarmos enquanto todos esperam ser amados!
Amor  é saber que: O paraíso já é aqui.
Agora eu te encontro todos os dias, quando me olho no espelho, eu te vejo sorrindo pra mim, lhe devolvo o sorriso.
Ah! Como eu me amo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Amor Pra Vida

Almas Gêmeas na História